Truques e dicas de ilustração em Adobe Fresco com Mariangel Briceño

Adobe Fresco é ideal para ilustração, como nos conta Maribricenod, uma ilustradora. Aprenda sobre sua história e conselhos.

Adobe Fresco

By Adobe

Posted on 05-31-2021

Para criar, você tem que acreditar. É o que nos conta Mariangel, uma artista latino-americana que nos inspira com seu trabalho e sua paixão. Falamos sobre ilustração, Adobe Fresco e suas valiosas dicas de criação. Leia até o fim.

Primeiro, nos diga quem você é.

Sou uma garota venezuelana que estudou design gráfico na Universidade de Zulia. Sou ilustradora nos Estados Unidos há cinco anos. Gosto muito de experimentar, criar com as mãos e também sonhar.

Que conselho você daria a uma pessoa que está procurando por sua paixão?

Sempre disse que todas as pessoas têm um talento e, muito mais do que talento, tem coisas de que gostam.

Primeiro, é preciso ter um objetivo (como desenhar, por exemplo).
Em segundo lugar, faça um plano (quantas vezes vou desenhar, o que quero aprender)
Terceiro, não preste atenção nas pessoas que dizem que você não sabe fazer algo.

Deixe claro que você não vai se sair bem no início, mas:

Ilustração com Adobe Fresco

Quais ferramentas digitais você usa em seu trabalho?

Eu amo todos os produtos Adobe. Eu trabalho com o Illustrator para fazer vetores e logotipos, já trabalhei muito com o Photoshop especialmente no início da minha carreira, uso o After Effects para fazer movimentos e Premiere para alguns dos meus vídeos no meu canal no YouTube.

Também trabalho com o Adobe Fresco, que adoro muito porque posso ter vetores e um bitmap ao mesmo tempo. Acho incrível que tenham feito essa fusão entre o Photoshop e o Illustrator.

O que você prefere: Illustrator ou Adobe Fresco?

Vai depender do projeto: para o que vai ser feito, onde vai ser usado e que estilo vai ter. Se quero fazer uma ilustração muito geométrica, gosto do Illustrator para iPad, porque as linhas ficam mais limpas. Se quero que a ilustração seja orgânica e também tenha textura, uso a Adobe Fresco para isso. A vantagem que vejo no Fresco é que ele tem a opção de enviá-lo para o Illustrator de desktop.

Pincéis Adobe Fresco

Fale uma dica para usar o Adobe Fresco.

Se a ilustração tiver uma textura de bitmap e essa ilustração for usada para impressão, você deve prestar muita atenção ao configurar o documento. Você tem que colocar o tamanho certo. Por exemplo, um metro por um metro com um dpi de 100 a 150, para que esta imagem possa ser usada se for redimensionada.

Crie, pinte e desenhe

Você também pode estar interessado: TRANSFORMAÇÃO DIGITAL, 4 programas da Adobe para iPad

Amamos o seu trabalho, mas também amamos que você compartilhe o que sabe. Por que vocêdecidiu compartilhar?

Tudo começou porque emigrei para os Estados Unidos e não conhecia colegas. Trabalho sozinha em casa há 5 anos, sem colegas de trabalho e sem ninguém com quem falar sobre o que faço, então achei muito útil usar as redes sociais primeiro para conhecer outros criativos, depois para as marcas me encontrarem no Instagram e terceiro para ajudar pessoas que estão perdidas como eu já estive.

Na verdade, minha tese universitária foi um site para explicar às pessoas o que era design gráfico e onde poderiam estudá-lo, e um pouco disso se deve porque quando estudei design gráfico não sabia que ele existia. Por isso, me parece super importante educar as pessoas e principalmente aquelas que querem criar coisas e não sabem rentabilizar.

Você é uma ilustradora, mas também faz lettering. Nos dê alguns conselhos para juntar essas duas técnicas.

Algo super importante que quase não dei atenção na faculdade são as grades. Eles servem para que as fontes possam ser bem integradas às ilustrações. Agora, quando vou fazer uma ilustração, sempre tento usar a grade. É claro que, depois de tanta prática, já não preciso tanto delas, mas comecei a usar grades para criar uma ilustração mais coerente e bonita.

donde usar texto

Quais são os pincéis que você mais usa no Adobe Fresco?

Para esboços: pencil.
Para texturas que se parecem com tela: canvas brush flat.
Para vetores: basic round.
Para brush live: wash soft.

pinceles de adobe

Como viver de uma paixão como desenho e pintura?

Primeiro, desenvolva a habilidade. A primeira coisa que tive que fazer foi aprender a ilustrar, aprender a lidar com programas e entender como faço minhas ilustrações.

Então, olhe para o mercado e encontre seu nicho. Na ilustração há muitas opções, por stock, por editorial, por produto ou embalagem. Veja o que você quer desenvolver, pois o seu processo de ilustração vai mudar dependendo disso.

Trabalhe com as redes sociais. Parece inacreditável, mas quando você trabalha com redes sociais pode conseguir clientes em potencial, principalmente se você trabalhar com sua marca pessoal, porque isso vai fazer a diferença. Tem muita gente que ilustra, mas o que vai fazer uma pessoa escolher um ilustrador que mora no México, ou outro que mora na Argentina, ou eu?

São as coisas pelas quais sou apaixonada, de onde tirei minha inspiração, qual é a filosofia da minha marca, cores e porque faço o que faço.

Você nos inspira. Quem inspira você?

Quando comecei, estudei com a Josymar Artega, ela trabalha com aquarela. Ela tem um talento inato e me inspirou, não para ilustrar, mas para ter essas habilidades. Depois, Paola Rosales, ela estudou comigo e também me inspirou. Às vezes, você não precisa ir tão longe para ter referências que o inspiram a sonhar.

Internacionalizando, tem um ilustrador de Dublin, Steve Simpson. Vi que suas ilustrações estavam em qualquer tipo de formato, aí eu queria que minhas ilustrações fossem em formatos diferentes e não ficasse em apenas um lugar.

Obrigada por me receber em seu espaço, e por acreditar nas mulheres latinas. Precisamos de mais espaço para nós mesmas.

Mariangel

Por fim, Mariangel nos disse que devemos continuar acreditando nas mulheres latinas para continuar abrindo espaço para elas, e ela também nos deixou estes presentes:

Um livro: Hello fears. “É um livro venezuelano para apoiar o talento do meu país. Ele quebra essa mentalidade que está te limitando a fazer coisas que você não ousa fazer”.

Uma playlist: “Gosto de quase todas as músicas, exceto as tristes. Mas se você quiser se concentrar, Brain food. Para sentir o sabor latino, Latin cardio. Para ter as músicas mais bonitas, cantar a todo pulmón. E se estou trabalhando em um projeto, procuro músicas relacionadas, como na época em que fiz a de Shakira, fiquei ouvindo o dia todo para me colocar no clima”.

Uma dica para continuar criando: “Pra criar, é preciso primeiro acreditar em si mesmo. Se você trabalha profundamente em sua auto-estima e se valoriza, a criação flui naturalmente”.

O trabalho de Maribri Nod é uma amostra do que acreditamos na Adobe: as ferramentas evoluem e o talento cresce. Nas suas mãos talentosas as nossas ferramentas têm valor e o seu trabalho é o que mais se destaca. Você acredita em si mesmo para criar?

Você pode gostar:

Como usar o Adobe Fresco?

Truques e dicas de design com Nubikini

10 hacks do Illustrator

Topics: Criatividade, Inspiração criativa e tendências,

Products: Creative Cloud,